Mulher de um homem só

Hoje, no início da noite, recebi um livro em pdf em meu e-mail. O livro foi enviado pelo autor para jornalistas, formadores de opinião e blogueiros famosos, sensatos e influentes. Como não sou nem uma coisa nem outra, o livro veio parar na minha caixa de entrada por outras vias que não cabe aqui citar. Mas. Mas…

Despretensiosa, comecei a ler. Despretensiosa mesmo. O que esperar de um livro com o título: “Mulher de um homem só”? Eu pensei em: 1) prostituição; 2) drogas e prostituição; 3) um romance. Tudo clichê, claro.

E na primeira página já voltei para a capa: “É um homem que tá escrevendo isso aqui? Corajoso…”. É. O autor se chama Alex Castro. Mas não me perguntem como ele conseguiu. Como ele sabe destas incertezas e inseguranças tão femininas. Nem sei onde ele aprendeu estes tantos detalhes. Aliás, onde?

Pois bem. Vou dizer do que se trata. Quem conta a história é Carla, a esposa de Murilo. Carla conta a história dela, dele e de Júlia, a melhor amiga de Murilo. A melhor amiga, claro, permanece grudada na vida do casal e provoca ciúme, ódio e (por que não?) amor na esposa insegura. Não, Carla não é louca. Nem maluca de ciúme. Todas suas neuras são as neuras de todas as mulheres que conheço. Coisas que aposto que Murilo nem sonha.

Carla conta sua história com Murilo, sua história com Júlia e, como se não bastasse, conta a história de Murilo e Júlia. Como é que ela sabe o que aconteceu nos mínimos detalhes, tantos anos antes de conhecer os dois? Ah, sabe. A gente sempre sabe. Não sabe?

E é esta maneira de narrar os detalhes, as pausas, os gestos e os olhares, quando nem ao menos se estava presente na cena, que faz com que a gente entenda Carla. Quem não é Carla? Vocês, homens, não são. Nem entenderiam. Só Alex.

Por fim, não posso deixar de citar o que mais me passou pela cabeça enquanto o lia. Mulheres, quando alguém escreve que parece que é a gente, com quem comparamos? Sim, com ele: Chico Buarque. E foi esta frase que encontrei no final do livro, quando Alex (tô íntima) explica tudo: “Uma leitora chegou a dizer que, ao lado de Chico Buarque e Miguel Paiva, eu era o homem que mais entendia de mulher do Brasil. Não sou, claro, até porque gente não se entende, mas foi bom de ouvir.”.

Não sei se entender é a palavra certa. Mas só o fato de fazer eu me sentir tão confortável lendo os dilemas daquela mulher, vendo-a colocar os acontecimentos de forma tão delicada, tão observadora e perspicaz…

Enfim. Escrevo isto aqui para pedir perdão para o autor por ter me deliciado com seu pdf. O livro é, realmente, muito bom e já sei até quem vou presentear com um exemplar impresso e bonito que nem o da foto. O lançamento será aqui em São Paulo, dia 1 de agosto e parece que o livro já esta à venda pela internet. Aqui você encontra tudo direitinho.

Preciso dizer que recomendo?

PS: E, no final, não é que adorei o título? Muito sutil.

Related Posts with Thumbnails

Compartilhe...

 

Receba o próximo texto


9 comentários

  1. Interessante!! Gostei desse livro pelo que vc escreveu, quero ler tb…

    bjo!!

  2. sem um lance
    sem um laço
    um beijo

    um abraço

  3. Olá! Vc pode me enviar este livro para meu email??? garat

  4. olá, vc faria a gentileza de me mandar esse livro por email? flaviaoasis@yahoo.com.br
    grata!

  5. Prezada Isabella Ianelli,

    Parece que, mesmo depois da sua contribuição crítica ao Curso de Pós-graduação em Linguagens Artísticas da USP, nada mudou para melhor.
    As pesquisadoras e os pesquisadores têm acesso fácil às monografias que foram elaboradas pelas (os) estudantes sob a orientação dos especialistas? Como?
    Elas estão na biblioteca? Colocar à disposião é importante para fazer avançar os estudos, não?

    Saudações,

    Felipe Silva.

  6. ola seria possivel vc me mandar por email esse livro em PDF ?
    por favor !

  7. Matheus Santos |

    Mande esse livro por e-mail pra mim!

    teu.vasco@hotmail.com

  8. Estou louca pra ler esse livro. Parece ser uma história muito envolvente. Poderia enviar pra mim? Ficarei grata! marinaraleao@yahoo.com.br

Quem linkou este post

  1. alex castro - Mulher de Um Homem Só - [...] Quem não é Carla? Vocês, homens, não são. Nem entenderiam. Só Alex. Isabella Ianelli, “Isabelices“ Enredo intenso nos prende…
  2. Um livro para sua mulher, outro para você | Papo de Homem – Lifestyle Magazine - [...] li Mulher de um homem só, e foi sem pretensões que o fiz. O título me deu a primeira…

Deixe seu comentário